Como perder o medo de dirigir

      14 Comments on Como perder o medo de dirigir

Este é um assunto muito delicado, afinal não é todo mundo que tem fobia no trânsito. Existe por variadas razões e dependem de experiências e repertório de cada um.


Mas não percamos as esperanças! É possível perder esse medo com concentração, dedicação e amor próprio! Saiba como perder o medo de dirigir neste artigo.

medo

Esse medo surgiu na cabeça de muitas pessoas devido às inúmeras tragédias que ocorrem diariamente causadas pela imprudência e falta de paciência de muitos motoristas.

É causado também por uma possível insegurança pessoal e falta de confiança em seus atos, o que é um total pessimismo. Além do mais, existem  os traumas de experiências, como morte de parente próximo em trânsito, mas tudo isso deve ser superado. Afinal a vida continua!


Sobre dirigir


Para quem não tem experiência, dirigir é mais que algo novo, é algo complexo, e é completamente normal aquele medo de iniciante por não ter segurança se irá fazer movimentos ou manobras do modo correto, mas isso deve passar com o tempo. Já quem tem medo há muito tempo, sempre dirige de modo inseguro e tem literalmente fobia da direção, isso não pode acontecer, pois faz mal a sua saúde!

Múltiplas emoções explodem no corpo quando sentimos medo, desde ansiedade, medo de morrer até tristeza, e são essas as causas de travamento, sem conseguir sair do lugar, choro, desespero, enfim, medo.

Mas você sabia que todos nós devíamos ter um pouco desse medo, não em exagero, na hora de dirigir?

Esse medinho é positivo, pois deixa a pessoa atenta, sempre alerta, ao contrário dos “confiantes” que fazem imprudências e causam acidentes.

Esse medo deve ser limitado à precaução e não virar um trauma, uma impotência. Devemos aprender a controlar esse medo e reduzi-lo a respeito no trânsito, estando sempre atento a qualquer movimento.

Dicas e conselhos sobre como perder o medo de dirigir

Além do seu próprio controle sobre suas emoções, existem algumas práticas que você pode tentar que ajudam a acostumar com o trânsito, com as pessoas e até com o carro em si.

Os bons resultados dependem apenas de você, do seu empenho e, novamente, do seu controle emocional.

1. Seja autoconfiante

Você fez aulas de direção, passou em tudo. Em todos os exames pós aulas foi bem, teve algumas dificuldades, mas passou em tudo.

Chegou na hora dos testes, falhou ali, aqui, mas conseguiu e foi habilitado! Parabéns! Pense sempre nisso, você foi qualificado e julgado como preparado.

Confie em si próprio e não guie o carro com suas emoções, e sim com a razão, afinal foi seu cérebro que aprendeu tudo naquelas aulas longas e chatas, não seu medo.

2. Vamos praticar!

Quanto mais você caiu de bicicleta, mas você percebeu que poderia voltar e tentar de novo, não? E o que deu? Você sabe andar de bicicleta até hoje, desde sua infância. Pense o mesmo para a direção!

Quanto mais você praticar ruas próximas, em bairros próximos, sempre aquecendo em vias pequenas, mais você se sentirá preparado para enfrentar avenidas, estradas para fazer viagens maravilhosas e todo desafio maior que vier. Leve isso como uma tarefa diária e pratique.

3. Dirija pelos outros

Já que seu medo é de causar algo de errado no trânsito, pensando até em ideias de morte e outros acontecimentos, seja observador ao máximo, concentre e dirija por você e pelos outros. Não confie em ninguém, apenas em si mesmo estando no controle.

É como um trabalho em grupo de escola, onde ninguém fez nada, só você. Quem ganhou a maior nota? Isso mesmo. Seja o melhor no trânsito, você é capaz.

Em breve mais dicas e detalhes sobre como perder o medo de dirigir! Até logo!